23 maio 2018

Categoria de congelados cresce em vendas Destaque

No ano passado, os portugueses compraram mais bacalhau congelado (+9%), refeições congeladas (+5%) e componentes de refeições congeladas (+1%), segundo os dados da Nielsen relativos ao ano móvel à semana de 8/2018. O peixe estabilizou os seus volumes, enquanto os vegetais e as batatas congeladas foram a única categoria a reduzir vendas (-3%).
Importantes aliados na hora de preparar as refeições, as opções dos portugueses quanto aos congelados estão a ir também no sentido dos produtos de maior valor acrescentado, o que fica patente pelos crescimentos em valor acima dos volumes em todos os universos analisados pela Nielsen. Não obstante a conveniência aliar-se à promoção e os congelados ficarem ainda mais atractivos para o consumidor.
O consumo de congelados difere consoante as distintas gerações de consumidores. Os “shoppers” com menos de 35 anos privilegiam as refeições congeladas, onde as pizzas dominam, representando 70% dos volumes deste segmento.
Mas se os mais jovens valorizam a praticidade das refeições congeladas, os consumidores com mais de 65 anos privilegiam, sobretudo, a compra de peixe, que continua a ser o congelado de eleição, representando 34% das vendas em volume. À semelhança do que acontece nas refeições congeladas, no universo do peixe estão também a aparecer soluções que permitem poupar tempo na confecção de refeições, permitindo alcançar o tão desejado equilíbrio entre a vida pessoal com a profissional.

Fonte: Nielsen

Contactos

M. Largo de São Sebastião da Pedreira, 31 - 4º
1050 - 205 LISBOA

T. (+351) 21 352 88 03
F. (+351) 21 315 46 65

E. Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.